30 de out de 2013

36.000 VISUALIZAÇÕES.

 
Eu não penso em nada quando eu pinto, eu vejo cores.
Paul Cézanne (1839 - 1906), pintor francês
Je ne pense à rien quand je peins, je vois des couleurs.
Paul Cézanne (1839 - 1906), peintre français
Penso di niente quando dipingo, io vedo colori.
Paul Cézanne (1839 - 1906), pittore francese
No pienso en nada al pintar, veo colores.
Paul Cézanne (1839 - 1906), pintor francés
I think of nothing when I paint, I see colors.
Paul Cézanne (1839 - 1906), French painter
Ich denke an nichts wenn ich male, sehe Ich Farben.
Paul Cézanne (1839 - 1906), französischer Maler
 
Agradecemos Vanessa C. Calado, pela belíssima arte gráfica.

29 de out de 2013

35.000 VISUALIZAÇÕES.

 

"O objetivo da arte é representar não a aparência externa das coisas, mas o seu significado interior." – Aristóteles
"Lo scopo dell'arte è quello di rappresentare non l'aspetto esteriore delle cose, ma il loro significato interiore." – Aristotele
"Le but de l'art est de ne pas représenter l'aspect extérieur des choses, mais leur signification intérieure." – Aristote
"Das Ziel der Kunst ist es nicht die äußere Erscheinung der Dinge, sondern ihre innere Bedeutung darzustellen." – Aristoteles
"El objetivo del arte es representar no la apariencia exterior de las cosas, sino su significado interior." – Aristóteles
"The aim of art is to Represent not the outward appearance of things, but Their inward significance." - Aristotle
Pela belíssima arte gráfica acima gostaríamos de agradecer a Vanessa.C.Calado.


TÉCNICAS E MATERIAIS DE PINTURA E DESENHO ARTÍSTICO - A ARTE DE PINTAR E DESENHAR

Detalhe quadro "A Virgem das Rochas" - Leonardo da Vinci
 
 

A arte de pintar e desenhar estão diretamente ligados, não somente aos nossos sentimentos, emoções e sensações, mas também a metodologias, técnicas, materiais e suportes que foram evoluindo através dos tempos. Os instrumentos são, para nós artistas, o prolongamento das nossas mãos, e facilitam a livre manifestação de nossas idéias.
 
 

A pintura e o desenho formam a arte de representar graficamente impressões e sentimentos, assim como retratar pessoas e situações através dos mais diversos materiais. Dependendo do resultado final desejado aplicamos pigmentos em forma líquida (tintas acrílicas, a óleo, aquarelas, guaches, nanquim) ou sólida (resinas, ceras, grafites, lápis de cor, giz pastel ou óleo) sobre uma folha de papel, uma tela, um muro, um objeto de madeira ou cerâmica, e ainda em vidro ou  tecido, a fim de colori-las, atribuindo-lhes matizes, tons e texturas fazendo nascer a obra de arte em si.
 
LÁPIS DE COR.
 
 
 NANQUIN
 
GIZ PASTEL
 
                                                             PALETA DE PINTURA
 
Dentre as técnicas mais conhecidas na concepção das artes visuais podemos relacionar as seguintes:
CARVÃO / LAPIS GRAFITE / SANGUINEA, SÉPIA E PEDRA NEGRA / GIZ PASTEL / GIZ ÓLEO / LAPIS DE COR / NANQUIM E AGUADAS / AQUARELA / GUACHE / ÓLEO / ACRÍLICA / ENCÁUSTICA / ALQUÍDICA / AEROGRAFIA / TÉCNICAS DO FOGO / TÉCNICAS EM TECIDO E SEDA / TÉCNICAS EM MADEIRA.
A partir de agora e nos posts seguintes caminharemos juntos por mais este tema tão interessante é útil a cada um de nós, que temos a necessidade de libertar o artista que nos habita.
 
Desenho de carvão e giz - Diane Moses Botkin - Heart to Heart.
 
1. CARVÃO:
O carvão é o método de desenho mais antigo do qual temos notícia, e ao mesmo tempo um dos mais simples. Os Homens primitivos já se utilizavam de galhos queimados para desenhar. Usamos este tipo de pintura para esboçar ou para realizar desenhos definitivos de acordo com o suporte e a intenção. Consiste no uso de hastes de madeira carbonizados, geralmente provenientes de ramos da videira ou do salgueiro.
 
 Cavalos em carvão vegetal, caverna de Ardèche, em Chauvet, França.
                 Estima-se que foram desenhadas há  mais de 30.000 anos atrás.
 O traço a carvão evidencia luz e sombra nos dando a possibilidade de sombrear pequenas ou grandes áreas do desenho e por possuir grande qualidade expressiva, nos oferece a possibilidade de plasmar a luz, a atmosfera e inclusive a cor desejada para os temas a serem realizados. Usamos também o desenho com carvão para esboços de pinturas a óleo e acrílicas, pintura de cenários ou murais, porque pode ser removido com certa facilidade deixando apenas suaves manchas ou traçados que servirão de guias para o trabalho de pintura posterior.
 
Cat on Charcoal (Gato em carvão).
 
 
 
               Murilo Pagani - Noturna, desenho a carvão.

Algumas ferramentas que nos ajudam  no sombreamento neste tipo de desenho são: a borracha miolo de pão ( Knetgummi), o esfuminho em forma de lápis ou paninho de camurça, assim como os próprios dedos. Por ser o desenho a carvão o mesmo deve receber após sua finalização uma leve camada de spray próprio para esta finalidade que pode ser facilmente encontrado no comércio especializado.
 
    Knetgummi/Borracha Miolo de pão.
 
Esfuminho.
 
 
Esfumaçar usando o dedo.
 
 
 TIPOS DE CARVÃO:
Hastes de carvão: Apresentam-se com forma e aspecto original de galhos. Podem ser oferecidas em três consistências: macia, média e dura, sendo as mais suaves galhos de videira. Afiam-se com navalha ou sobre uma superfície abrasiva como uma lixa. São muito úteis para realizar desenhos amplos, soltos e expressivos.
 
Hastes de carvão com esfuminho.
 
 
 Katherine Schneider - charcoal drawing Hampton Plantation.
 
 
Barras de carvão: Consistem na mistura de pó de carvão com aglutinantes, e por vezes misturados a argila. Resultam em uma estabilidade maior que as hastes de carvão e sua intensidade e fluidez se assemelham ao do giz pastel.
 
 
                                       Barras de carvão vegetal.
 
 
 Desenho de flor feito com bastões de carvão.
 
 
                       Cabin in Oaks - Charcoal drawing - Katherine Schneider.
 
Alguns quadros de artistas famosos feitos com a técnica do carvão:
 
 
Self portrait - Pablo Picasso - 1900.
Charcoal drawing.
 
 
Pablo Picasso - Charcoal drawing - Bulls.
 
 
 
Embrace - charcoal drawing - Pablo Picasso.
 
 
 
 Charcoal drawing for "Le Luxe" - Henri Matisse.
 
 
 
Henri Matisse drawing with a bamboo pole tipped with charcoal. Cimiez (Nice). August 1948. From the collection of the International Center of Photography, New York.
 
 
Henri Matisse - Maternité - Charcoal drawing.
 
 
 Portrait of Erasmus - 1518 - Albrecht Dürer - Charcoal drawing.
 
 
"The Virgin Nursing Her Child" - Charcoal drawing - 1512 - Albrecht Dürer.
 


 
 

34.000 VISUALIZAÇÕES




Criatividade é permitir a si mesmo cometer erros. Arte é saber quais manter. - Scott Adams

Creativity is allowing yourself to make mistakes. Art is knowing which ones to keep. — Scott Adams

Kreativität erlaubt sich, Fehler zu machen. Kunst ist, zu wissen, welche zu behalten. - Scott Adams

La creatividad se está permitiendo cometer errores. Arte es saber cuáles conservar. - Scott Adams

La creatività sta permettendo di fare degli errori. Arte è sapere quali mantenere. - Scott Adams

La créativité se permet de faire des erreurs. Art est de savoir quels sont ceux à conserver. - Scott Adams
 
Agradecemos Vanessa C.Calado pela belíssima arte acima, em quadro de Van Gogh.

20 de out de 2013

33.000 VISUALIZAÇÕES.



"Tudo que você pode imaginar é real."
- Pablo Picasso
 
“Everything you can imagine is real.”
-Pablo Picasso
 
"Alles, was man sich vorstellen kann ist echt."
- Pablo Picasso
 
"Todo lo que puedas imaginar es real."
- Pablo Picasso
 
"Tutto ciò che si può immaginare è reale."
- Pablo Picasso
 
 
"Tout ce que vous pouvez imaginer est réel."
- Pablo Picasso
 

Obrigado a todos e agradeço Vanessa C.Calado(Agência Ensaio), pela belíssima arte.

16 de out de 2013

FATOS CURIOSOS DA HISTÓRIA DA ARTE - VAN GOGH

Vincent Van Gogh.
 
 
Vincent Van Gogh produziu mais de 2.000 obras durante sua vida:
cerca de 900 pinturas e 1100 desenhos e esboços. Embora ele é agora
considerado um dos maiores artistas de todos os tempos, ele foi subestimado
e só vendeu um quadro durante seu tempo de vida, “ o vinhedo vermelho”.
 
 
 
                                   "O Vinhedo Vermelho" de Vincent van Gogh.
 
A genialidade de Van Gogh foi reconhecida apenas depois de sua morte. Um exemplo desse reconhecimento foi a venda de sua obra mais famosa, "O Retrato de Dr. Gachet", por US$ 82,5 milhões.

"O Retrato de Dr. Gachet."

13 de out de 2013

32.000 VISUALIZAÇÕES.



"A arte deve ser uma expressão de amor ou não é nada." Marc Chagall

 “Art must be an expression of love or it is nothing.” Marc Chagall

"Kunst muss ein Ausdruck der Liebe seinoder sie ist nichts." Marc Chagall

"L'art doit être une expression de l'amour ou elle n'est rien." Marc Chagall

"El arte debe ser una expresión de amor o no es nada." Marc Chagall

"L'arte deve essere espressione di amore o non è nulla." Marc Chagall
Voltem sempre! Check back often! Schauen Sie öfters mal vorbei! Revenez souvent!  Vuelve a menudo!Controllare spesso!


Agradeço a belíssima arte acima a Vanessa C.Calado.

10 de out de 2013

FATOS CURIOSOS DA HISTÓRIA DA ARTE - O ROUBO DE MONA LISA

Mona Lisa - Leonardo da Vinci.




Como é comum em segundas-feiras para museus, o Louvre estava fechado em 21 de agosto de 1911. E, justamente nesse dia, a mais famosa pintura do célebre museu em Paris, a Mona Lisa,de Leonardo Da Vinci, sumiu.O prefeito de Polícia de Paris, o famoso e popular Louis Lepine, é chamado às pressas. Este envia ao local sessenta inspetores de policia e um renomado criminalista em busca de pistas. As 14h45 as portas do museu são fechadas com exceção de uma para filtrar a saída de todos. O motivo dado ao publico foi um problema de canalização d’agua. Em Paris, a população ainda não sabia de nada sobre o roubo.


 
Louvre, “Salon Carré”,conhecido pelos quadros Renascentistas exibia em 21 de agosto de 1911 entre um quadro de Titien e um outro de Corrège,  apenas um espaço vazio e quatro parafusos perdidos, no local onde deveria estar o quadro de Mona Lisa.
O museu é vasculhado do subsolo ao telhado e finalmente uma pista é encontrada bem embaixo da escadaria que leva a escultura da “Vitoria de Samotrácia”. Lá estava a valiosa moldura de madeira renascentista, o vidro de proteção (novidade na época contra vandalismo) e uma impressão digital bem visível. Os 257 funcionários que estavam de serviço foram interrogados e tiveram suas impressões analisadas, porém ninguém pode ser incriminado.
 
Escadaria  que leva a
escultura "Vitória de Samotrácia", escultor desconhecido.
 
"Vitória de Samotrácia"


 
Guillaume Apollinaire.
 
Nesse período no qual  o quadro  Mona Lisa ficou perdido, muitos suspeitos, incluindo o poeta francês Guillaume Apollinaire e o pintor espanhol Pablo Picasso, foram presos e interrogados sob suspeita do roubo da obra-prima da pintura italiana.
 
Pablo Picasso.
 
O curioso é que, até aquele momento, o quadro não atraía os milhares de visitantes que atualmente inundam o Louvre, grande parcela interessada unicamente em decifrar o sorriso da mulher retratada.
Tanto que, no momento do roubo, a Mona Lisa estava em um lugar discreto do museu e só era apreciada por entendidos de arte. Somente uns poucos funcionário faziam trabalhos de manutenção e reforma nos salões do importante acervo artístico em Paris quando um deles, Vicenzo Peruggia, se aproximou do quadro e o levou.

 
Quadro de Mona Lisa é recuperado. (foto de autor desconhecido)

Dois anos depois, a informação de um comerciante de antiguidades levou a Polícia de Florença à província de Como, no norte da Itália. Lá, Peruggia estava vendendo a pintura. Ao ser detido, ele confessou o crime e o justificou com um motivo incomum: patriotismo. O pintor disse que queria apenas levar de volta a seu país um dos maiores tesouros da arte italiana e, assim, vingar-se de Napoleão, que no século anterior teria confiscado a obra.

1 de out de 2013

31.000 VISUALIZAÇÕES.




"A arte nos atrai apenas pelo que ela revela de nosso eu mais íntimo." ~ Jean-Luc Godard

“Art attracts us only by what it reveals of our most secret self.” ~Jean-Luc Godard

"L'art nous attire que par ce qu'elle révèle de notre identité le plus secret." ~ Jean-Luc Godard

 " Die Kunst zieht uns durch das was Sie uns über unser geheimsten Selbst zeigt, an. ~Jean-Luc Godard

"El arte nos atrae sólo por lo que revela de nuestro yo más intimo." ~ Jean-Luc Godard

"L'arte ci attrae solo per ciò che rivela del nostro sé più intimo." ~ Jean-Luc Godard
Muito Obrigado./ Thank You./ Vielen Dank./ Muchas Gracias./ Grazie Tanto./Merci Beaucoup.

Blogger Wordpress Gadgets